quarta-feira, 28 de outubro de 2009

A MÁSCARA DO METEORO CAIU

É.....! A máscara do meteorito caiu.

Os ecos da notícia sobre a queda de um meteoro no interior da Letônia chegou por todos os cantos do mundo, inclusive ecoando no Brasil. A cratera aberta foi de 20 metros de diâmetro, causando espantando aos moradores da pacata e distante Mazsalaca, no rincão do país.

As primeiras notícias na mídia local chegaram já no domingo à noite, 25. Os plantões entraram no ar no canais abertos, dando a notícia meteorítica. As autoridades locais descartaram que a área onde o meteoro caiu sofreria de radiação devido à queda. Também sentiram-se aliviados pelo meteorito não ter caído em área residencial, onde as consequências poderiam ter sido trágicas. O acontecimento envolveu o exército, a polícia, o corpo de bombeiros, geólogos, astrônomos e curiosos.

Já no dia seguinte (26), especialistas estavam no local para analisar e pesquisar esse acontecimento nunca visto antes na Letônia. Porém, depois de muito trabalho, a notícia veio ao ar. O meteoro não existiu, a cratera foi feita por humanos, tudo foi uma farsa programada e arquitetada minuciosamente. Os autores da farsa, amadores, não conseguirim reproduzir uma queda como se fosse real. Como isso seria possível?

Especialistas constataram grandes contradições na cratera e seu arrabalde. Analisando a área da cratera, foram feitas várias observações, a saber: Como pode ter fogo em uma cratera que caiu um meteorito? Há rastros de enxadas e ervas daninhas arrancadas (seria um meteoro agricultor? :P ). Os especialistas descartam a possibilidade de que a queda de um meteoro deixasse uma cratera com tais dimensões. A remoção da terra de dentro da cratera também parece artificial. O fogo foi apenas uma reação qímica artificialmente criada. A cratera era de forma oval, confirmando uma característica diferente das crateras formadas por reais quedas de meteoros.

Ainda na segunda, dia 27, o diretor comercial e de marketing da empresa de telefonia móvel TELE2, Jānis Sproģis, confirmou que a empresa foi a responsável pela encenação deste acontecimento. Janis queria que o nome da Letônia fosse levado ao mundo por outro motivo, e não por causa da profunda crise econômica que assola esta nação: "nosso objetivo foi levar inspiração à sociedade letã, de que nós podemos fazer muitas coisas", disse Janis.

A Ministra do Interior, Linda Murniece, condenou duramente esta ação fraudulenta da TELE2, como sendo "ridícula", e disse que a empresa deverá arcar com todas as despesas que o Estado teve nesta brincadeira, cerca de LVL 2 mil (cerca de oito mil reais). Ainda, a Ministra disse que haverá rescisão de contrato com a TELE2, que fornece serviços ao Ministério.

A Presidente da Associação das Companias de Relações Públicas da Letônia (ACRPL), Inga Latkovska,reconhece que o objetivo desta ação da TELE2 "foi apenas fazer "barulho", não se aprofundando no conteúdo".

Já a diretora da agência de relações públicas "EURO RSCG PR", Dina Liberamane, disse que "a publicidade em torno da falsa queda do meteorito não fez com que a população deixasse de pensar na questão da aprovação do orçamento da União para 2010".

Também, a diretora da empresa de consultoria "CONSEUNSUS PR", Dana Hasana, declarou que "muitas vezes os especialistas criativos não percebem os limites, pois estão tomados pela "euforia", como aconteceu com a TELE2".

A sócia da agência de relações públicas "A.W.Olsen & Partners", Olga Kazaka, disse que com relação a esta campanha, funcionou o velho e já conhecido princípio "o contexto some - os heróis ficam". "Daqui há um mês ninguém mais estará comentando que a ação foi ridícula, mas, sim, o nome da TELE2 ficará gravado mais ainda na memória", diz Olga. Com isso, a empresa pode perder mais clientes.

Opinião do autor:
Aonde chegamos? O país já passa por problemas devastadores que tendem a aumentar, e ainda resolvem fazer brincadeiras deste tipo. Só na Letônia mesmo. O que eu não consigo entender é que o povo letão é culto, inteligente, mas não sabe utilizar isto à seu favor. A limitação da sua flexibilidade e muitos conceitos, ainda remanecentes desde a época soviética, têm atrapalhado muito a Letônia a se tornar um país de primeiro mundo.

(fonte:www.tvnet.lv)

2 comentários:

Don Jose disse...

Hahaha, massa demais o meteorito, delirei. Pena que foi feito por amadores... Em Belo Horizonte caiu sim um meteorito, coisa de profissional, que pode ser conferido no http://www.youtube.com/watch?v=i1hNguRcxrM

Bertola disse...

Deixa os caras. Eu adorei ver como, cheio de coisas mais importantes para resolver, por exemplo a crise, neguinho ficou escandalizado. O Ministerio do Interior cortou o contrato com a TEle2, hahahahahahahaha! E foi pra LMT, que eh mais cara.